Rui Santiago: uma grande perda

Em http://uaonline.ua.pt/pub/detail.asp?c=44194

Rui Santiago (1952-2015)

Faleceu um académico que aspirava a uma universidade mais humanizada
Rui Santiago  foi diretor do DCSPT

Investigador do Centro de Investigação em Políticas do Ensino Superior (CIPES) e Vice-presidente da Sociedade Portuguesa das Ciências da Educação, Rui Santiago, ex-diretor do Departamento de Ciências Sociais, Políticas e do Território (DCSPT) da Universidade de Aveiro (UA), faleceu a 11 de novembro, vítima de doença prolongada. As cerimónias fúnebres decorrem a 13 de novembro, a partir das 10h30. A essa hora, o corpo segue da capela das Vendas de Ceira (próximo de Coimbra) para a Igreja Matriz de Ceira, onde é celebrada a cerimónia fúnebre. Após a cerimónia, o destino é o cemitério de Ceira.
 

Enquanto diretor do DCSPT, Rui Santiago defendeu, numa entrevista publicada há cerca de quatro anos no uaonline, com Portugal já numa situação de crise e sob vigilância apertada do FMI e das instâncias financeiras europeias, que “É preciso humanizar a universidade para que cada um de nós não seja apenas mais uma peça na engrenagem.” Algo que entendia ainda mais necessário perante a pressão que já se verificava sobre os serviços públicos, o ensino superior em particular, e sobre quem neles trabalhava. “É muito importante que as pessoas se sintam bem e tenham prazer naquilo que fazem. E não me refiro apenas aos docentes, refiro-me também aos alunos nos vários graus de ensino e formação.”

O então diretor defendia ainda, nessa mesma entrevista, à semelhança do que existia noutros departamentos da UA, uma licenciatura de banda larga para o DCSPT… “No nosso caso, a licenciatura de banda larga seria na área das Ciências Sociais”.

Rui Santiago era um defensor de uma economia embebida na sociedade e não o contrário, tal como salientou num dos depoimentos, gravados em vídeo, para promoção da Conferência “Exit Talks”, na UA, em abril de 2014.

Professor associado com agregação em Ciências Sociais e Políticas na UA, Rui Santiago doutorou-se em Ciências da Educação nesta universidade, e onde também conclui o mestrado na mesma área científica. A licenciatura e a pós graduação em Psicossociologia em Ciências da Educação foram concluídas na Universidade de Paris X. Foi Professor Coordenador do Instituto Politécnico de Leiria e Professor Adjunto do Instituto Politécnico de Bragança. Desenvolveu investigação sobre políticas do ensino superior e sobre os seus profissionais. Participou em diversos projectos de investigação nacionais e internacionais. Tem uma vasta obra com publicações de diversos livros, capítulos de livros e artigos em revistas científicas.

Um desses capítulos faz parte do livro considerado o melhor de 2014 em Ensino Superior Comparado. Rui Santiago partilhou a autoria desse capítulo com Teresa Carvalho, também docente da UA e investigadora do CIPES, e com Sofia Sousa e as investigadoras do CIPES, Diana Mendes e Lurdes Machado-Taylor. Este livro intitula-se “Teaching and Research in Contemporary Higher Education: Systems, Activities and Rewards” e foi editado pela Springer.”

 

 

Sobre ivogoncalves

64 anos Licenciado em Economia pelo Instituto Superior de Economia, Mestre em Administração e Políticas Públicas pelo Instituto Superior de Ciências do Trabalho e da Empresa, Doutor em Sociologia, especialidade de Sociologia Política, pelo ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa. Detém Diploma de Estudos Avançados (3º Ciclo) em História Moderna e Contemporânea da mesma instituição. Domínios de actividade profissional: Gestão Orçamental Pública, Auditoria e Fiscalização, Recuperação de Empresas como dirigente, técnico ou consultor e formador. Outros domínios de interesse: Sistemas de Informação. Docente do ensino superior de Setembro de 1976 a Maio de 1985 no Instituto Superior de Economia, e de Outubro de 1985 a Julho de 2010 no Instituto Superior de Gestão (integrado actualmente no Grupo Lusófona). Membro nº 15 da Ordem dos Economistas. Pertence ao Colégio de Economia Política e ao Colégio de Auditoria. Membro nº 1385 do Instituto Português de Auditoria Interna. Sócio nº 20831 da Sociedade de Geografia de Lisboa.
Esta entrada foi publicada em Cidadania, Ensino Superior. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s